Procurar um novo emprego pode ser uma rotina estafante. Com tantos detalhes a serem observados e dúvidas sobre qual trabalho combina com você, um currículo de qualidade pode chamar a atenção de possíveis empregadores, desde que estejam alinhadas as referências profissionais de forma clara e concisa. 

A partir do momento que um profissional está praticando habilidades de entrevista e verificando a faixa salarial para a função pretendida, é tentador reciclar um currículo antigo e completá-lo com as mais recentes experiências de trabalho. 

Contudo, é preciso resistir a esse impulso. Quem espera marcar uma entrevista para aquele emprego dos sonhos, precisa de um currículo de qualidade, um documento totalmente polido e personalizado e que prende a atenção dos recrutadores do início ao fim.

A importância de um currículo de qualidade

O currículo é o documento mais importante que um pretendente a um cargo de trabalho enviará em busca de um emprego. 

É esse resumo da vida escolar e profissional que vai à frente, pois é a primeira oportunidade de se apresentar a um empregador em potencial e, por isso, por se tratar da primeira impressão, é fundamental que seja cativante e bem pensado. 

Os gerentes de contratação e os recrutadores analisam os currículos, em média, entre 6 e 7 segundos cada, por isso é importante que o candidato faça valer cada segundo e prenda a atenção para que o gestor observe os detalhes. 

Um currículo de qualidade, com potencial, pode ajudar um candidato a se destacar na multidão, e isso é essencial para qualquer um que busca uma oportunidade no mercado de trabalho. 

Cada lista de dicas de redação de um currículo aponta para as mesmas métricas: começar com as informações de contato:

  • Nome;
  • Número de telefone;
  • E-mail;
  • Endereço residencial;
  • Conhecimentos gerais e específicos;
  • Experiência profissional;
  • Especializações.

No entanto, o horizonte é mais abrangente. Por isso, a partir de agora, serão apresentadas dicas simples de redação para a formalização de um currículo de qualidade e que pode ajudar o candidato a se destacar. 

1. Mantenha o currículo curto e direto

Uma regra fundamental ao escrever um currículo é mantê-lo curto e direto. 

Em geral, o documento pode ser limitado à uma página, a menos que exista uma boa razão para se estender, como uma carreira extensa, ou muita experiência de trabalho altamente aplicável. Uma maneira fácil de manter o currículo conciso é incluir apenas experiências recentes e relevantes.

Mesmo que o primeiro emprego tenha ensinado muito sobre a área de atuação, essa informação nem sempre é necessária, assim como detalhes de toda a carreira profissional.

A maioria dos especialistas recomenda incluir apenas empregos dos 10 ou 15 anos anteriores, ou mesmo um período menor de tempo, caso seja novo no mercado de trabalho, ou deseje recolocação em uma nova atividade, como instalador de VRF ar condicionado preço, por exemplo. 

No último caso, na mudança de carreira, mais do que – necessariamente – explorar os cargos e tempo de trabalho, o que irá contar é como essas experiências e competências adquiridas podem contribuir para a nova oportunidade, seja para um cargo mais técnico, como o exemplo de instalação de ares, ou mais voltado para rotinas administrativas e de gestão.

Lembre-se que, independentemente do caso, incluir muitas experiências de trabalho não relacionadas pode tornar o currículo pesado, desviando a atenção das qualificações relevantes.

Por isso, um currículo de qualidade deve ser focado, claro e conciso.

2. Crie um modelo de currículo original

Os empregadores apreciam a originalidade. Embora seja útil consultar um modelo de currículo profissional, não há a necessidade de seguí-lo rigidamente. 

Os gerentes de contratação consideram um currículo personalizado e original como a principal estratégia para os candidatos a emprego, aumentando as chances de se conseguir o cargo pretendido. A ideia principal, aqui, é formatar o currículo para que seja fácil identificar as qualificações do candidato.

Além disso, é preciso que o design e as informações sejam mais condizentes com a área pretendida, com detalhes sobre cargos que se aplicam à vaga em uma envasadora manual em uma linha de produção industrial, por exemplo. 

Assim, é possível se destacar frente aos outros profissionais. Ao estruturar o currículo, é preciso se certificar de que as informações são apresentadas em ordem lógica. Um recrutador lê o documento da parte superior e termina na parte inferior. Assim, as informações mais importantes e atuais devem vir primeiro.

Por isso, se ele não terminar de ler toda a estrutura, e muitas vezes não o fazem, é preciso garantir ao menos que os pontos fortes estejam em destaque. 

3. Destaque habilidades e experiências relevantes

Usar o mesmo currículo para todos os empregos para os quais uma pessoa se candidata pode não ser uma boa abordagem. Em vez disso, o currículo deve ser direcionado ao trabalho específico para o qual o profissional está se candidatando. 

Por isso é preciso se certificar em priorizar as habilidades, qualificações e experiências que estão diretamente relacionadas ao trabalho que o candidato está tentando conseguir. Nesse sentido, pode-se escolher 3 ou 4 cargos de experiências anteriores, seja servindo como barreira de segurança ou mesmo em estágios de atendimento ao público.

O importante é que essas experiências destaquem as habilidades necessárias para a vaga ao qual está se candidatando e evidenciem sua evolução como profissional, mesmo que o cargo em si não se direcione exatamente para a função pretendida.

Da mesma forma, se não houver um histórico de trabalho diretamente relacionado ao cargo para o qual está se candidatando, é preciso ser criativo com a forma como apresenta as outras experiências. 

4. Demonstre resultados com números e métricas 

Quando uma pessoa escreve sobre a experiência de trabalho anterior, é sempre uma boa ideia quantificar os sucessos com números. 

O uso de métricas pode destacar as conquistas e dar ao gerente de contratação ou ao recrutador uma noção clara de como o candidato impactou a empresa anterior, e como isso refletiu de maneira positiva.

5. Crie um instantâneo de carreira

Recentemente, especialistas em carreira indicaram aos candidatos a emprego que deixem de utilizar a antiga declaração de objetivos profissionais, e que considerem incluir um breve resumo no lugar. 

Chamado também de instantâneo de carreira, o trecho deve constar logo no topo do currículo. Basicamente, o instantâneo de carreira apresenta uma declaração personalizada e explica, de forma breve, o valor único e imensurável do profissional, bem como as habilidades e qualificações. 

Esse ponto pode ser seguido por destaques na carreira profissional, experiências e realizações ao longo do tempo. O que quer que seja listado deve ser relevante para a posição ao qual a pessoa está se candidatando e destacar os feitos e impactos propostos pelo profissional.

Vale pensar no instantâneo de carreira como uma resposta à pergunta: “Como você descreveria sua experiência de trabalho em uma frase?”.

Assim, caso tenha como diferencial um trabalho de expertise em instalação de bola de engate inox, deve-se relatar essa experiência e usar as competências e resultados alcançados para evidenciar sua própria evolução e skills, demonstrando o porquê a empresa deveria te contratar e o que você poderá fazer por ela.

Ou seja, o resumo é uma oportunidade de apresentar as habilidades, experiências e recursos mais relevantes e importantes de sua carreira logo no início do currículo. 

6. Otimize todo o texto

Se uma empresa usa um sistema de rastreamento de candidatos para coletar e escanear currículos, um gerente de contratação humano pode nem mesmo olhar para qualquer aplicação, principalmente aquelas que não se encaixam nos critérios de trabalho inseridos. 

Por isso é importante revisar uma postagem em ferramentas digitais, utilizando palavras-chave apropriadas para que o currículo possa passar pela triagem. A sinceridade é primordial, de qualquer maneira. 

Uma dica útil é certificar-se de incluir palavras-chave do anúncio de emprego em um currículo, mesmo que tenha trabalhado com empilhadeira usada barata no setor de logística de uma empresa. 

É possível copiar e colar a descrição do trabalho em um gerador de nuvem de palavras para identificar os termos usados com mais frequência e garantir que seja usado no resumo profissional do candidato. 

Também é possível criar uma seção de “competência essenciais” ou “áreas de especialização” do currículo para listar todas as habilidades físicas e pessoais e, em seguida, reiterá-las ao marcar a experiência profissional. 

7. Liste os perfis nas redes sociais

Muitos gerentes de contratação de empresa de prestação de serviços para condomínios, bem como de outros diversos segmentos de atuação, selecionam candidatos nas redes sociais.

Candidatos experientes e com presença social profissional podem incluir URL para o perfil do LinkedIn ou de um blog pessoal, quando aplicável.

Os perfis sociais podem ser uma poderosa ferramenta de recrutamento para complementação de experiência e demonstrar a posição como especialista no campo de atuação, mas desde que sejam aproveitados de maneira correta. 

8. Efetividade do currículo e carta de apresentação

Durante um processo de recrutamento, recrutadores e gerentes de contratação podem receber centenas de currículos e cartas de apresentação para revisão. 

Além de um currículo de qualidade, a carta de apresentação deve refletir os recursos exclusivos que uma pessoa possui, que a posicionam como o candidato ideal para o cargo que deseja ocupar. 

Nesse sentido, uma carta de apresentação bem escrita e produzida a partir do aluguel de impressoras preço, caso seja necessário encaminhar um material físico, é uma oportunidade de mostrar que o candidato incorpora os principais atributos necessários para a função.

Sendo assim, é possível observar a importância de se investir o tempo e esforço necessários para escrever uma carta de referência com afinco. 

Conclusão

Cada trabalho, cada cargo e cada candidato exigirá alguns ajustes quanto às dicas apresentadas para a formalização de um currículo de qualidade desde a apresentação do nome até a apresentação de habilidades secundárias e trabalhos sociais. 

Profissionais criativos, por exemplo, vão querer incluir links para os portfólios disponíveis online, em links dedicados para essa finalidade.

No caso de profissionais recém-formados na faculdade, estes não terão muita experiência de trabalho para destacar, mas ainda podem se basear em projetos de aula e estágio em negócios diversos, como empresas prestadoras de serviços elétricos, ou mesmo a participação em seminário voltados para a área em que deseja atuar.

Quando uma pessoa considera como escrever um currículo de qualidade que leve a um bom resultado, a conclusão a que se chega é que os empregadores darão mais valor à candidatura. 

Afinal, eles desejam contratar pessoas que possam causar impacto e auxiliar no desenvolvimento da empresa. Dessa forma, a dica final para todos é: escreva um currículo personalizado que mostre um profissional diferenciado e orientado a resultados.

Em pouco tempo é possível que tenha que se preparar para a entrevista de emprego tão almejada.